Eternamente 23

Pode não ser a mais linda história de Amor, mas é uma grande história.

Não sei mais o que o “Deustino” reserva para nós. Uma coisa é certa: ele nos quer juntos. – A maneira como nos conhecemos, o modo de como nos demos bem e a intimidade que passamos a ter nos primeiros meses de amizade abençoada é bastante inexplicável. Se haviam cadeados entre nós, bom, não tinha serventia alguma. Não posso deixar de mencionar que sim, eu mantive alguns cadeados fechados, mas era apenas por segurança. Para deixar que a coisa certa fosse feita. E ali estávamos nós, emparelhados, sem entender os próprios sentimentos. Eu não sei dizer o que senti, mas foi forte. Apesar de te manter longe de algumas zonas, algo em você me atraía por completo. E isso me dava medo, pois deveriam ser sentimentos das quais eu pudesse controlar, mas não eram. E, depois de todas essas loucuras nos encontramos. Olhares tímidos e lábios nervosos eram nossas sensações iniciais. Mas nos conectamos de uma maneira inexplicável. Realmente parecia que estávamos juntos há anos, mas era apenas a primeira noite. A primeira de muitas. De lá para cá não consegui mais descrever o que sinto por você. Apenas posso dizer que isso aumentou. Tenho me apaixonado por você todas as vezes em que te olho. Tenho me sentido completo todas as vezes em que você tem entrelaçado os dedos nos meus. Tenho me sentido feliz ao beijar você antes de dormir, e tenho torcido para que isso aconteça todos os dias. E é por isso que estou aqui, para dizer que esse momento está mais próximo do que imaginamos. Nós estamos prestes a realizar um dos nossos sonhos juntos, que é o nosso tão esperado Casamento. Todos os olhares estão voltados para nós atualmente. Algumas pessoas enxergam em nós um pouco de precipitação, outros enxergam que nada disso vai durar tanto quanto gostaríamos. O problema é que poucos nos conhecem, poucos sabem da nossa rotina e o quanto nós sonhamos com uma vida a dois, um lar… O nosso Lar. Eu sei que é desafiador, mas é o que queremos e nós iremos conseguir. E eu fico sem saber se te agradeço, se te imagino vestida de noiva, se te abraço, se te beijo, se grito teu nome e o quanto eu te amo… Não sei. O que eu sei, é que falta pouco para eu te chamar de minha esposa. Minha mulher. Falta pouco para eu casar com a Larissa da minha vida. Eu estou nervoso, feliz, pensativo, ansioso… Porque irei casar com a mulher que eu tanto admiro, que eu tanto cuido e me preocupo. Seu Nelson deve estar muito orgulhoso de você. Porque você é uma pessoa incrível e merece toda felicidade do mundo. Nunca conheci ninguém igual. Eu não vejo a hora de ver o seu sorriso lindo, vestida de noiva e dizendo “sim”.

Eu quero te dizer, sem meias palavras, que estou muito feliz por me dar a honra de ser o teu marido. O teu companheiro. O cara que vai segurar tua mão e não vai deixar você desamparada. O cara que vai cuidar de você em todos os momentos da sua vida. O cara que vai brigar contigo sim, mas que vai te ensinar (e aprender) coisas maravilhas. Vai te encher o saco dentro de casa, mas te dar colo de todas as formas. O cara que vai fazer de você a mulher mais feliz de todas. Duvida? Espera para ver… Eu vou te provar. Claro que isso pode levar tempo, mas quem disse que esse é um problema para nós? Demos as mãos para cruzar todos os obstáculos da vida. Unimos os nossos corações para, quando a velhice chegar, provarmos o verdadeiro Amor. E agradecermos a Deus por ter colocado um no caminho do outro. Para que pudéssemos fazer o outro feliz, para termos uma família maravilhosa e abençoada. O nosso Amor é puro. De uma brincadeira boba surgiu a nossa data oficial, e passamos a honrar o dia 23. O dia 23 é a assinatura de Deus entre nós, dizendo: “eu abençoo o Amor de vocês. Para sempre. Por toda a vida.”. E, graças a Deus, seremos eternamente 23.

Você é o Amor da minha vida. Você é a minha esposa mais linda. A minha maravilhosa mulher.

Eu amo você.