Apenas de Passagem

No campo daquela pequena vila, brincava Júlia, uma menina coberta de medos, mas cheia de sonhos. Tinha apenas treze anos. Perto dali haviam trilhos, onde passavam, às quatro da tarde, trens que seguiam do Norte para o Sul do país. Transportavam alimentos, pessoas e mercadorias diversas. Sempre que ouvia o barulho do trem, Júlia corria para trás da mangabeira, por trás das cercas que separavam os trilhos do campo. Com medo, ela o via passar com algumas crianças sentadas no forro com seus familiares, e a porta aberta. Naquele trecho, o trem passava devagar, porque algumas famílias desciam com suas crianças para se refugiarem. A disputa territorial no norte do país obrigavam moradores a abandonarem suas cidades. A única opção era o refúgio para cidades próximas, ou outros países. Com medo, Júlia assistia o trem partir todas as tardes.
Numa tarde de domingo, Júlia ouviu o barulho do trem, mas não correu. Fechou forte suas pequenas mãos, e momentaneamente seus olhos castanhos-escuro também. Ao lado dos trilhos e da cerca, sentiu o solo tremer, cada vez mais intenso, ouvindo o chiado e barulho das rodas de ferro. Abriu os olhos e viu a fumaça branca. Pessoas preparadas para descer, juntamente com a sensação única entre a liberdade e a prisão. O trem se aproxima cada vez mais, até passar em sua frente. Ela, sem pensar duas vezes, começou a caminhar rapidamente ao lado do trem. Ergueu suas mãos para os garotos que estavam naquele vagão, e eles as seguraram com força. Seus pais os ajudaram a puxá-la, que enfim, sentiu o calor do forro. E, o trem se foi. Júlia, sem medo, deixou sua cidade, suas origens, seus erros e parte de sua alma. Cansou de sofrer sozinha, por mais nova que fosse, por mais criança que parecesse, carregava sabedoria, experiências, e uma vida obrigatoriamente precoce. Deixando o medo de lado, Júlia conheceu o mundo e nunca mais sentiu medo.

— Apenas de Passagem – ( Não tive tempo para terminar)

Anúncios

Que tal dizer algo?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s