Para manter o amor vivo, marido de 91 anos lê diário para mulher com amnésia

Apesar de nunca ter feito isso antes, nem algo parecido, resolvi colocar. Além de retratar aquilo que eu sempre falei desde que iniciei esse blog ano passado, mostra a todos que nada é impossível quando há Amor.

Para manter o amor vivo, marido de 91 anos lê diário para mulher com amnésia

O inglês Jack Potter não quer que sua esposa Phyllis esqueça o amor que os une há mais de 70 anos. Sabendo que Phyllis sofre de demência e falta de memória, o homem visita todos os dias a casa de repouso na cidade de Rochester, Inglaterra, e lê para ela o diário que guarda desde o dia em que se conheceram.

O inglês, de 91 anos, disse ao jornal Daily Mail Online que lembra exatamente do momento em que os dois se cruzaram, num baile. Foi em 1941 (casaram em 1943) e no diário escreveu: “Foi uma noite muito agradável. Dancei com uma garota muito legal. Espero encontrá-la novamente”.

Apesar de ninguém querer ficar doente futuramente, na velhice, não poder desfrutar melhor disso, mas isso que se chama amor. “Na saúde e na doença…” Algo que todo mundo pensa que conhece, que está sentindo, e acaba lamentavelmente caindo no buraco da paixão, ou gostar, achando que é amor. Amor é muito mais do que isso que você acha que acaba da noite pro dia, de que você esquece e troca por outra pessoa. Se isso é amor para alguém, acabo de ter como certeza, que amor para mim é algo diferente. Não é o que eu quero, nem o que você quer. Uma vez me disseram que há várias maneiras de Amar. Desculpe, amar só há uma maneira. E, quando um dia acontecer isso em sua vida, seja você leitor, ou esteja de passagem por aqui, achando que estou falando bobagem, pensará: realmente, aquilo era Amor.

Fonte: hypeness

Anúncios

7 comentários em “Para manter o amor vivo, marido de 91 anos lê diário para mulher com amnésia

  1. Na saúde e na Doença (…). Estava aqui olhando suas postagens, como sou grata por te amar, por te ter, quero que saiba que desde o momento que nos entregamos um ao outro foi o marco que defini o hoje até o fim das nossas vidas. Eu vou te amar sempre, te fazer feliz, valorizar teus sentimentos (os meus também são feitos dos seus). Eu te amo, eu te amo.

    1. Feh!! *-* Bom ver que você passou por aqui. Tá tudo muito “morto”, quase sem vida, eu sei. Já tentei por diversas vezes voltar aqui, mas não dá, eu sei que não dá. Mas, sempre venho visitar, escrevo algo no rascunho, sinto como se fosse uma casa abandonada, um lugar onde já fui feliz, mas que está abandonado. Só venho aqui pra isso. Uma amiga até falou pra fazer outro, mas não sei. Enfim, obrigado por vir…

      Beijoss!

  2. ”Quando é verdadeiro tudo supera, tudo suporta, tudo crê. Quando é verdadeiro, a distância não separa, o tempo não enfraquece e ninguém substitui.”

Que tal dizer algo?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s